A vontade de sair dos tons neutros e a possibilidade de fazer diversos usos das cores abriram caminho para a tendência da paleta modernista na decoração. Composta por tons mais fechados, mas não por isso menos vibrantes, essa cartela de cores foi apontada por Le Corbusier em sua teoria da arquitetura policromática. Entram em cena o azul, rosa, verde, amarelo e laranja, em combinações ora mais fortes, ora mais suaves. Não vê a hora de aderir à paleta modernista no décor? Selecionamos cinco ambientes e móveis com a cartela de cores para você se inspirar!

AZUL COMO PROTAGONISTA

Neste ambiente criado pelo estúdio Nada Se Leva, o sofá Hug ganhou o tom azul fechado modernista. A paleta segue firme e forte com as almofadas em tons mais suaves. O tapete também completa a cena, deixando o clima modernista no ar.

paleta modernista

MODERNISMO SUAVE

Você pode aderir à paleta modernista – conhecida por sua profundidade de cores – de forma mais suave.

Gisele Taranto, em seu ambiente para a Casa Cor Rio 2018, apostou no estilo ao escolher o sofá 50, de Bruno Faucz, com o estofado no azul mais fechado, símbolo do estilo. Os outros elementos do ambiente ganharam tons neutros e reforçaram a presença visual do sofá.

paleta modernista

DIVERSOS TONS DE ROSA

Quer um ambiente feminino, mas que saia do lugar comum? Aposte nos diversos tons de rosa propostos pela cartela modernista de Le Corbusier, como fez Isabela Bethônico, em seu living para a Decora Lider BH 2016.

paleta modernista

VERMELHO EM DESTAQUE

Outra boa alternativa para quem não quer aderir totalmente à cartela modernista é escolher um móvel em uma cor de destaque.

Neste loft de Rocha e Rodrigues, para a Casa Cor Bahia 2018, o sofá Gomos ganhou estofado em veludo avermelhado. O contraste com o painel onde ele está posicionado valoriza seu design e o décor como um todo.

paleta modernista

CORES FORTES + ESTAMPA

Que tal ousar e além de usar cores modernistas em móveis e paredes, por exemplo, destacá-las com um complemento estampado?

Neste ambiente criado pelo estúdio Nada Se Leva, o sofá Hug em tom uva é valorizado pelo tapete estampado, assinado pela Alva Design, e pela parede em vermelho de parte do espaço.

paleta modernista

Fonte: Líder Interiores

Compartilhar: